facebook twitter flickr

Corrente Cultural

16/11/2014 12h44

Corrente Cultural 2014 leva 150 mil pessoas às ruas do centro

 

Elza Soares e Orquestra à Base de Cordas. Foto: Alice Rodrigues

O sol apareceu e o curitibano aproveitou o sábado para ver as atrações da Corrente Cultural. Os shows de artistas curitibanos e nacionais levaram, neste sábado (15), mais de 150 mil pessoas aos palcos do evento que acaba neste domingo (16).
 
Na Boca Maldita, ao lado da Orquestra À Base de Corda, a cantora Elza Soares abriu os trabalhos tocando sambas de Lupicínio Rodrigues, Dorival Caymmi, Chico Buarque e Jorge Aragão.  Um grande público acompanhou os shows de João Bosco, Rashid, Otto, entre outras atrações.
 
A Corrente Cultural também apresentou o trabalho autoral de 34 bandas e artistas curitibanos. Nesta edição do evento eles foram maioria nos palcos lotados das Ruínas, do TUC e na Tenda Eletrônica. E também puderam ser vistos nos palcos da Riachuelo e da Boca Maldita.
 
A técnica judiciária Ana Flávia Nascimento aprovou a programação da Corrente. “Eu não pude acompanhar a corrente durante a semana, mas a programação de fim de semana está bem legal e hoje ainda vou voltar para ver Otto e Cidade Negra”, contou.
 
O administrador Roberto Abreu veio de Belém do Pará para participar de um congresso e caminhando pelo centro da cidade se deparou com o show de João Bosco no Palco Riachuelo. "Foi uma surpresa encontrar uma programação com essa qualidade e ainda de graça. A cidade está de parabéns por esta excelente proposta". 
 
Denise Ferraz mora em Curitiba há pouco mais de um ano e acompanhou, ao lado do amigo Eric, o show do rapper Rashid.  A estudante de design da UTFPR elogiou a segurança e a estrutura e banheiros. "Está bem tranquilo, ótimo para curtir os shows", disse Denise.  
 
Atraso - Com um show eletrizante, que lembrou todos os sucessos do disco Sobre Todas as Forças, a entrada da banda Cidade Negra sofreu um atraso de mais de duas horas devido a problemas técnicos enfrentados no palco Boca Maldita. Mesmo assim, mais de 15 mil pessoas ficaram até o final da apresentação.
 
“Pedimos desculpas para o público pelo atraso e transtornos. São coisas que podem acontecer em um evento desta magnitude. Mas o balanço da Corrente Cultural 2014 foi um sucesso. Apresentou muitos artistas curitibanos de várias linguagens para a população da cidade e proporcionou shows belíssimos com artistas de qualidade. Inesquecível!”, avaliou o presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Marcos Cordiolli. 
 
Ocorrências - De acordo com a Polícia Militar e a Guarda Municipal, foi registrada apenas uma ocorrência grave. Um rapaz, não identificado, teve um mal súbito por volta da 1h da madrugada e, mesmo com o pronto atendimento de uma equipe do SAMU, veio a falecer na região do Largo da Ordem. O corpo foi encaminhado para o IML.
 
Confira a programação da Corrente Cultural neste domingo:
9h30 – Ruínas de São Francisco
CURITIBAILA 2014
 
10h às 18h – Centro Cultural Sistema FIEP
FILE CURITIBA 2014 – Festival Internacional de Linguagem Eletrônica
 
10h e 14h – Memorial de Curitiba
FESTIVAL DE OXAQUEÑA
 
12h30 – Ruínas de São Francisco
MONREAL
 
13h30 às 20h – CCIB Dante Alighieri
MOSTRA D’ARTE DANTE ALIGHIERI
 
14h – Ruínas de São Francisco
DJOA
 
19h – Centro Cultural Sesi Heitor Stockler de França
A VOLTA
 
20h – Teatro Sesi do Campus da Indústria
TRÍPTICO SAMUEL BECKETT
 
Veja mais fotos na Corrente Cultural no Flickr da Fundação.